Balanceamento de Motores

Quando colocamos uma peça assimétrica a girar, surgem forças radiais não equilibradas, ocasionando alguns problemas, tais como: vibração e fadiga.

Balancear uma peça nada mais é que modificar sua distribuição de massa, de modo que as forças radiais não ultrapassem certos valores, conforme o tipo de aplicação, que chamamos isso de porcentagem limite de vibração. Tornar as forças radiais não equilibradas totalmente nulas é impraticável e inviável economicamente.

O principio do balanceamento nada mais é que retirar massa de um lugar que há excesso ou trocar ela de posição, em lugar faltante.

Em motores a combustão interna há inúmeras coisas a se balancear, rotativas e fixas, para exemplo das rotativas temos: Virabrequim, Volante, Kit completo de embreagem e a “Dumper”.  Para as fixas temos, pistão e bielas.

Figura 1 – Balanceamento de Virabrequim de Motor Ford 302

Mas como é feito o balanceamento de um virabrequim? Neste caso, coloca-se a girar a peça e maquina aponta o lugar que há excesso de massa, assim é retirado o material em local específico para que não comprometa a durabilidade da peça.

Tanto o balanceamento de pistão e bielas são feitos da mesma forma, porém em balanço, corrigindo a massa em uma balança de precisão.

Figura 2 – Pistão e Bielas balanceados de um Ford 302 

Este tipo de serviço é oferecido por nossa empresa a qualquer motor, entre em contato para combinar envio das peças e valores, por e- mail: classicracingparts@gmail.com ou pelo telefone 044 9 9182-9220.